Fazia um tempão que queríamos viajar para conhecer um pouco das praias da Bahia e até que enfim essa viagem saiu.
Nossos amigos Bibi e Duda toparam encarar o rolê com a gente e programamos nosso roteiro para ficar na Península de Maraú (Taipu de Fora), Itacaré, Caraíva e Arraial D´ajuda.
Pegamos a estrada no dia 18 de dezembro bem cedinho por volta das 4h da manhã e paramos para dormir em Montes Claros MG. Em Montes Claros tivemos problemas com o quarto que reservamos pelo Airbandb e acabamos dormindo em um hotel na beira da estrada. No dia seguinte saímos novamente as 4h sentido Taipu de Fora. Pegamos o caminho mais curto e mais rápido apresentado pelo Google Maps, mas foi aí que a aventura começou. Pegamos cerca de 120km de estrada de terra toda esburacada. Já sabíamos que os 40km que levam até Taipu de Fora seriam de terra, mas não todos esses outros. Por isso, fica aqui a dica, estude bem o trajeto que irá percorrer até seu destino (sempre fazemos isso, mas dessa vez deu falha! kkkkkk)
Chegamos na Pousada e Camping Casa Mágica no final da tarde e fomos recebidos pela Érica que é a proprietária e gentilmente nos apresentou o local.
A Casa Mágica fica a cerca de 200m da praia e tem estrutura muito boa para o camping com banheiro masculino e feminino, duchas, cozinha comunitária, tanque para lavar roupa, pontos de energia elétrica, restaurante que serve café da manhã, pizzas e lanches. Tem também locação de quadriciclo e locação de suítes com ar condicionado.

Terminamos de montar acampamento e chegaram a Fernandinha, o Barraquinha e a Helena que foram de avião até Ilhéus, pegaram um carro e ficaram com a gente nessa primeira parte da viagem.
Ficamos de 19 até 25 de dezembro em Taipu e de lá saímos passear e conhecer lugares maravilhosos.

Praia de Taipu de Fora
A Praia de Taipu de Fora tem uma entrada a 200m da Casa Mágica e a maioria dos nossos dias começava a terminava por lá.

Nessa entrada o mar sempre tem correnteza e não existem restaurantes nem nenhum outro tipo de comércio (adoramos). Em outras entradas da praia existem opções de restaurantes e o movimento é mais intenso. A grande atração de Taipu de Fora é o mergulho nas piscinas naturais que formam durante a maré baixa, mas nos dias em que ficamos por lá acabou não rolando.


Ponta do Mutá
A Ponta do Mutá tem águas calmas e límpidas e é muito procurada por famílias e pela galera que curte assistir o pôr do sol, mas nesse dia acabamos voltando pro camping antes do sol se por.

Praia do Campinho e Taipu de Dentro
Em um passeio de carro paramos para conhecer a Praia do Campinho e a Praia de Taipu de Dentro

Alugando um quadriciclo ou mesmo indo de carro, vale muito a pena fazer o passeio até a Praia de Algodões. Durante o trajeto aproveitamos para conhecer outros atrativos…

Lagoa Azul
Paramos na lagoa azul bem cedinho e o lugar estava vazio. Perfeito para iniciar o dia com um banho de água doce.

Lagoa e Praia do Cassange
O que separa a Lagoa da faixa de areia da Praia do Cassange é uma intensa vegetação. A calmaria da lagoa é ideal para um passeio de caique, stand up ou um delicioso banho. A Praia do Cassange tem um quê de paraíso perdido e tem águas calmas com piscinas naturais na maré baixa e boas ondas para prática do surf na maré alta.

Praia de Algodões
Algodões fica distante das praias mais procuradas de Maraú e é isso que faz com que ela pareça praticamente deserta. Tem extensa faixa de areia, piscinas naturais e o mar é transparente e cercado por coqueiros e poucas construções. 

Mirante do Farol
Voltando de Algodões paramos no Mirante do Farol onde curtimos a linda vista da região.

Um dos principais passeios da região é o passeio das 5 ilhas que sai do pier de Barra Grande. Nós fizemos o passeio de escuna (R$50,00 por pessoa) com a empresa Princesinha Turismo e indicamos super. Nesse passeio as paradas são na Ilha de Pedra Furada, Ponta da Ilha Grande (só para fotografar), Ilha do Campinho, Ilha do Goió e Ilha do Sapinho (onde almoçamos). Cada parada leva em torno de 40 minutos. Nossa escuna saiu por volta das 10h e retornou as 16h.

Ilha da Pedra Furada
É a primeira e principal parada do passeio. A ilha é de propriedade particular mas autoriza a visitação mediante uma taxa de R$5,00 por pessoa que é paga ali mesmo. A ilha é cercada por águas calmas e formações rochosas, dentre elas a famosa Pedra Furada.

Ponta da Ilha Grande
Parada apenas para observação e fotos.

Ilha do Campinho
Fica localizada no povoado do Campinho e tem águas claras e profundas, ideal para a prática de mergulho. Uma curiosidade é que do outro lado da ilha, fica o final da BR030 e as ruínas do que seria um porto industrial que acabou tendo sua construção feita em Ilhéus ainda está lá.

Ilha do Goió
Mar muito calmo, raso e transparente. O lado da ilha onde param os barcos é mais movimentado e abriga também um restaurante, porém uma curta caminhada até o outro lado, leva até uma praia praticamente deserta.

Ilha do Sapinho
‘Na Ilha do Sapinho que o passeio faz a parada para o almoço. Ao lado do pier encontram-se alguns restaurantes que servem deliciosos pratos da culinária Baiana. Se tiver tempo vale a pena dar uma volta pela pequena comunidade que vive por ali.

Por do Sol ao lado do Pier de Barra Grande
Após o passeio de escuna aproveitamos para assistir ao lindo Pôr do Sol ali mesmo ao lado do Pier de Barra Grande.

ONDE COMER?

Taipu 73 Pizzaria Integral
A Taipu 73 é uma pizzaria com ambiente super alegre e descolado. Além das pizzas tradicionais eles servem pizzas de sabores diferenciados. A massa é integral, multigrãos e foi especialmente elaborada pelos donos do local. Nós amamos as pizzas de massa bem fininha!

Ficamos maravilhados com nossos primeiros dias na Bahia e nos despedimos de Taipu de Fora no dia 25 pela manhã quando
seguimos viagem para encontrar nosso amigo Brunão que nos esperava em Itacaré em seu Wild Camp. Mas essa segunda parada fica para o próximo post!