Nessas várias acampadas por este Brasil afora, já rolaram colchões furados com noites acordando de hora em hora para encher, montar a barraca em um lugar lindo com sombra o dia todo, mas quando chove fica todo alagado, barraca que entrava água porque não aguentava nem uma chuvinha e não levamos a lona…, e por aí vai…
Os perrengues que passamos vão nos ensinando e a cada acampada aprendemos algo novo ou conhecemos a importância de algum equipamento que esquecemos de levar. E amamos isso tudo!
Separamos algumas dicas para ajudar a programar uma acampada tranquila e bem aproveitada!

Para uma acampada é necessário primeiramente a escolha da barraca, pesquise tudo sobre ela, é sempre importante que o sobre teto vá até o chão para que não junte água nas emendas e costuras. Vale a pena conferir também a coluna d´água para saber a quantidade de água que a barraca suporta em caso de chuva (as que tem coluna maior que 1500 mm costumam aguentar chuva moderada e as maiores 2000 mm não entram água). A ventilação é algo que faz toda a diferença nos dias mais quentes. Uma lona para cobrir a barraca no caso de ela não ser resistente a chuva, é muito importante para não estragar sua acampada.

Quando acampamos em finais de semana, procuramos lugares que fiquem no máximo a 300km de casa, para poder aproveitar bem o local e ficar o menos possível na estrada já que temos poucos dias. Nos feriados optamos por lugares mais distantes, geralmente até 500km.

Quando vamos escolher um camping sempre nos preocupamos com sua localização e com o que tem por perto. É sempre bom saber se tem mercados, padarias, açougues e restaurantes nas redondezas, pois é nisso que nos baseamos para saber o que precisamos levar de casa e o que podemos comprar lá para economizar na bagagem. Alguns campings tem mercadinho com venda de gelo, carvão, algumas comidas e bebidas o que facilita bastante.
Outros aspectos que consideramos ao escolher o camping são:
– valor x estrutura – hoje existem campings com estruturas muito boas e com valores acessíveis, a também os que que estão cobrando acima da média onde a estrutura deixa a desejar e os serviços prestados não condizem com o valor cobrado, principalmente na alta temporada.
– Estrutura física – levamos em consideração banheiros sempre bem limpos, chuveiros quentes, cozinha comunitária (fogão, geladeira) e área coberta comum.
– Lazer no camping e ao redor – se for pra um local de muito calor vale ver se possui uma piscina, ou se é perto de rios e cachoeiras e também quais os atrativos da região.

Chegando ao camping, tenha atenção especial ao local onde vai montar sua barraca, o local deve ser plano, longe de barrancos onde possa empossar água.
Olhe sempre com atenção e retire pedaços de paus e pedras que possam danificar sua barraca ou furar o colchão inflável. Acordar a noite com o colchão furado é sempre desesperador! (já passamos por isso algumas vezes).
Sempre levamos uma lona e dobramos para colocar em baixo da barraca (sempre dobre menor que o fundo da barraca para não acumular água que escorre). Se for montar em baixo de alguma árvore, repare bem se não existem galhos secos que possam cair e furar a barraca ou machucar alguém.
Deixe sempre sua barraca fechada, mesmo que seja somente o mosquiteiro ou os insetos podem ser imperdoáveis! Abriu fechou…
Os espeques que acompanham a barraca devem sempre ser fixados e o sobre teto bem esticado para evitar o acúmulo de água e não encostar no quarto.

Costumamos fazer uma lista com todos os equipamentos e acessórios que vamos utilizar e separamos em um canto da área antes de colocar no carro.

Sempre levamos duas caixas térmicas, uma para as bebidas e outra para manter os alimentos refrigerados, quando o camping não possui cozinha comunitária. Uma dica legal para a caixa que vai levar os alimentos, é colocar o saco de gelo fechado por baixo de tudo no fundo da caixa e depois posicionar os alimentos por cima pois isso evita que os alimentos tenho contato com a água que fica no fundo e o gelo dura muito mais tempo mantendo tudo refrigerado.

Transformador de voltagem, extensão elétrica e um bocal com lâmpada podem ser muito úteis, assim como uma lanterna para encontrar as coisas dentro da barraca na noite.

Sacos plásticos são muito importantes para recolher separar o lixo e dar o destino correto. São úteis também para proteger pequenos objetos da chuva e da areia.

Papel higiênico. Alguns campings colocam papel nos banheiros e não dão conta de repor durante a alta temporada. Na dúvida leve sempre com você! Ocupa pouco espaço e salva até na hora de acender a churrasqueira!

Cordas e cordinhas podem ser muito úteis se você pretende fazer uma armação de lona para cobrir a barraca.

Sempre levamos conosco um kit de primeiros socorros com alguns itens como esparadrapo, mercúrio, antisséptico, gase, pomada antialérgica, remédios para dor de cabeça, antiácido, anti-inflamatório e antialérgico. Se você tem algum remédio de prescrição médica nunca se esqueça de levar a quantidade correta para os dias que ficará acampado.

Por final, acreditamos que o mais importante no campismo é levar muita alegria, positividade, vontade de viver, de fazer amigos, conhecer novos lugares, ser solidário, pró ativo e sem frescuras!

Esses são alguns dos cuidados que tomamos todas as vezes que vamos acampar. Esperamos que seja útil pra você!

Conheça os campings que já visitamos acessando o link abaixo e marque sua viagem!

www.poraidebarraca.com.br/campings

Boa acampada!

Acesse nossa página no facebook

Vem com a gente Por aí de Barraca!

 

Share This